2017 - RENATA FONSECA

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

As carpideiras do século XIX
Olá pessoal!!

O post de é histórico.

Vamos saber um pouco sobre uma profissão tipicamente feminina no século XIX.



A "carpideira" é uma profissional feminina cuja função consiste em chorar para um defunto alheio.

É feito um acordo monetário entre a carpideira e os familiares do defunto, a carpideira chorava e mostrava seus prantos sem nenhum sentimento, grau de parentesco ou amizade.

A profissão existe há mais de 2 mil anos. No Brasil, as carpideiras chegaram junto com a colonização portuguesa.

Inicialmente o pagamento não era feito em dinheiro, mas com bens da família do defunto.


Fonte: https://www.facebook.com/FotografiasDaHistoria/


terça-feira, 15 de agosto de 2017

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Festa surpresa.
Olá pessoal!

Último aniversário de julho foi uma festa surpresa. Difícil manter segredo! Rs.....

A escolha da roupa foi em torno de uma bolero/casaquinho que resgatei nas arrumações, provavelmente é peça dos anos 80.
Gostos muito de casaquinhos e boleros dão um charme para visuais mais básicos.

O look mais uma vez foi todo preto para destacar o colorido e o brilho do casaquinho. A saia é justinha e tem uns babadinhos, blusa de manga comprida e um sapato Oxford.


Saia, blusa e casaquinho: de alguma loja dos EUA
Oxford: Shoestock

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Aniversário

Olá pessoal!!

Aqui em Salvador o tempo anda meio louco! Uma hora faz um sozinho na outra chove e acreditem no começo da tarde faz um friozinho. Difícil escolher uma roupa! Rs....

Escolhi uma bermuda e uma regata já que foi algo simples só um bolinho para o dia não passar em branco. Ao longo do dia fez sol, choveu, ventou e no fim da tarde fez um friozinho. Preguiça de pensar em outra roupa!

Peguei um lenço de seda e fiz uma frente única e um casaco de veludo molhado pronto. Achei que ficou com a cara mais invernal! Rs...



Short: Sartore
Blusa: não lembro
Sapatilha: ABX contempo
Lenço: ganhei de presente
Casaco: não lembro

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Dicas para o final de semana.
Olá pessoal!!

Boas indicações para o final de semana.

Série 

Grace and Frankie

Li em uma lista que essa série era uma das melhores disponíveis no Netflix e claro que eu tinha que assistir.

Apesar de estar bem longe dos 70 anos me divertir muito com essa série. O primeiro episódio da primeira temporada é sensacional! Dei muitas risadas. 

Disponível no Netflix




Criado por
Com
País
Gênero

Sinopse

Grace (Jane Fonda) e Frankie (Lily Tomlin) estão encarando a temida 3ª idade, mas não da forma que imaginavam. Quando os seus respectivos maridos revelam que estão apaixonados um pelo outro, e planejam se casar, a vida delas é virada de cabeça para baixo. Agora, elas estão ligadas eternamente por esse acontecimento e, já rivais, descobrirão que podem ter que tomar conta uma da outra.

Filme 

Até o último homem

Era o meu favorito para ganhar o Oscar de melhor filme em 2017! É mais uma história real fantástica

Andrew Garfield merecida ter sido indicado ao Oscar de melhor ator ele está excelente no filme.


Direção: Mel Gibson
Gêneros DramaGuerraBiografia
Nacionalidades AustráliaEUA

SINOPSE

Durante a Segunda Guerra Mundial, o médico do exército Desmond T. Doss (Abdrew Garfield) se recusa a pegar em uma arma e matar pessoas, porém, durante a Batalha de Okinawa ele trabalha na ala médica e salva mais de 75 homens, sendo condecorado. O que faz de Doss o primeiro Opositor Consciente da história norte-americana a receber a Medalha de Honra do Congresso.

Livro 

Antigamente era assim de Hildegard Vianna

Todos os historiadores soteropolitanos já deve ter lido esse livro que trás uma ideia dos costumes do final do século XIX e início do século XX. Como alguns costumes mudaram!

É um dos meus livros favoritos de história.

Reúnem crônicas sobre os usos e costumes dos fins do século XIX e que perduram, com pequenas modificações, até mais ou menos os anos 40 do nosso século, quando a Segunda Guerra Mundial virou praticamente o mundo às avessas. As crônicas retratam o cotidiano da época, a vida doméstica, os fatos que a autora presenciou os tipos que observou as tradições e as lendas que chegaram ao seu conhecimento por ouvir dizer.



quarta-feira, 12 de julho de 2017

Tarde de autográfico do livro Na minha pele de Lázaro Ramos
Olá pessoal!

No sábado dia 3/07 Lázaro Ramos fez uma tarde de autografo do livro Na minha pele no shopping Barra e é claro que fui prestigiar o conterrâneo. Foi uma loucura!

Estava marcado para ás 15 horas e resolvi sair de casa mais cedo porque fiquei com medo de não ter mais senhas. Rs....

Acabou sendo uma aventura! Começou na hora marcada, mas muitos amigos e conhecidos furando fila – falta de educação é um problema seríssimo – e ai atrasou tudo! Passei 3 horas na fila para pegar um autografo! No final foi divertido conheci um monte de gente legal, conversei sobre séries, livros, filmes, educação etc.




Vamos ao look! Tenho várias peças de veludo molhado que não uso muito porque acho que esquenta muito e aqui em Salvador o clima quase sempre é quente, mas uma frente fria apareceu e esfriou um pouquinho.

Escolhi o meu bolero rose de veludo molhado, camisa preta e saia preta com estampa de onça. Gostei do resultado porque destacou o bolero.



Saia: não lembro
Camiseta: Forever XXI
Sapatilha: ABX contempo

Cinema com a sobrinha
Olá pessoal!

Fui assistir Meus 15 anos com Larissa Manuela com minha sobrinha. Sempre morro de frio no cinema e sempre me esqueço de ir mais agasalhada.

Nas arrumações encontrei esse casaquinho que fiquei apaixona e por sorte minha irmã não queria mais então peguei pra mim. Pensei em uma blusa listrada para fazer um composê com a estampa floral do casaquinho a combinação ficou bem legal.

Usei com calça jeans – que por sinal não gosto muito! Quando eu comprei achei que tinha ficado linda e na primeira vez que usei odiei, mas estou dando outra chance a ela. Rs... – sandália bege e marrom e bolsa dourada e pérola.


Casaquinho: comprado nos EUA
Blusa: Zara
Calça: M. Officer

Sandália: Gratz

quarta-feira, 5 de julho de 2017

Frase
Truques durante a II Guerra Mundial.
Olá pessoal!!

Truques para manter a elegância durante a II Guerra Mundial.



Durante a Segunda Guerra, a moda não perdeu seus encantos.

Foto: Maio de 1940 em Londres. Falsas meias pintadas e falsas costuras desenhadas pelas elegantes que não podiam, então, sair com as pernas desnudas. A loção usada na mulher é da marca Max Factor.

Fonte: https://www.facebook.com/FotografiasDaHistoria
/



quinta-feira, 22 de junho de 2017

Frases do estilista Dener
Olá pessoal!

Frases do estilista Dener

"Eu criei a moda brasileira, um estilo próprio, nosso, que fez com que as grandes senhoras do país não precisassem mais se vestir na Europa.” 

“A mulher chique fica bem com qualquer trapinho.”

“A mulher-luxo é capaz de superar o próprio conceito de elegância (…), é modelo de vida e de comportamento, que não lança a moda, mas a consagra.”

“A mulher realmente refinada se veste para si mesma. Até quando faz a maior faxina, está sempre arrumada.”

“A realização do artista só vem no fim, com a sensação da morte.”



quarta-feira, 21 de junho de 2017

Figurino e cenografia da novela Novo Mundo.
Olá pessoal!!!
Hoje vou falar um pouco sobre a novela Novo mundo que retrata uma parte da história do Brasil e claro com um pouco de fantasia – nem tudo que acontece na novela aconteceu na vida real. Adoro essa novela!
Escrita por Thereza Falcão e Alessandro Marson, com direção artística de Vinícius Coimbra, Novo Mundo é uma aventura romântica ambientada no Brasil do início do século XIX, entre 1817 e 1822.
Guiada pelo conceito de realismo e pelos métodos de construção do século XVIII, a equipe de cenografia de ‘Novo Mundo’ vai fazer o público viajar pelo Rio de Janeiro do século XIX, período em que se passa a trama, de 1817 a 1822, antes da independência do Brasil. 



Na minha opinião a melhor caracterização do elenco é o de Viviane Pasmanter  se minha mãe não tivesse me falado ia demorar para reconhece-la. Com os cabelos escuros e mal cuidados, maquiagem "enfeiadora" e dentadura que imita dentes podres. E o núcleo mais divertido é o da estalagem com os personagens Licurco, Germana, Elvira e Quizinho.
Na cidade cenográfica dos Estúdios Globo, foi reproduzida a Praça XV e seus principais elementos: o chafariz, o Arco do Teles e o Paço Real, hoje conhecido como Paço Imperial. O Paço Imperial é o maior e mais alto prédio feito nos Estúdios Globo, reproduzindo o equivalente a 50% do tamanho real.
A produção teve que representar as armas da época, em sua maioria, garruchas, bacamartes e espingardas antigas, além de réplicas. Uma empresa especializada também produziu espadas idênticas às originais do império e algumas réplicas importadas foram alugadas, além de reproduções em materiais seguros para utilização em cena.





Cada núcleo tem a sua peculiaridade e paleta de cor. Os figurinos dos austríacos, como o rico negociante Wolfgang (Jonas Bloch) e o médico Dr. Peter (Caco Ciocler), poderão ser percebidos nas cores marrom, verde, vinho.
Na primeira fase Os tons claros serão apresentados pela protagonista Anna Millman (Isabelle Drummond). O figurino dela é composto por tiaras, detalhes no cabelo, luva, sempre vermelho com branco. Tudo meio transparente, translúcido. Já na segunda fase ela casada usa o cabelo com penteados  e passa a usar roupas escuras e mais fechadas.
 Já Leopoldina é bem romântica e recatada. Com o passar do tempo, as roupas diminuem, pois ela já entendeu que o clima no Brasil é outro.
Piatã (Rodrigo Simas), irmão de Anna é meio índio e meio inglês, pois foi adotado, por isso, seu figurino mistura as duas referências.
Todas as dragonas, os bordados e as insígnias que as realezas e os militares usam foram produzidos nos Estúdios Globo, assim como o processo de envelhecimento e desgaste das roupas. Além disso, foram produzidos em São Paulo chapéus para as personagens de Leopoldina e Anna e as coroas, réplicas idênticas às originais. Outros acessórios como bengala, chapéus, óculos e relógios foram adquiridos em brechós.
Para mostrar a realidade da época, em que as pessoas quase não tomavam banho nem escovavam os dentes, alguns personagens terão os dentes pintados, com esmaltes específicos, para que pareçam mais escuros. Também aparece sujos, efeito adquirido com uma base específica, suados, com espinhas, unhas amareladas e pés encardidos. Ninguém faz sobrancelha, e algumas mulheres vão aparecer com pelos nas axilas, graças a apliques específicos para isso.
A caracterização dos piratas também vai chamar a atenção do público. O visual assustador deste núcleo é composto por capas de couro, patuá de caveira, talabarte feito com pedaços de cintos e couro encontrados no acervo, como se eles próprios tivessem feito, além dos colares, bijuterias e anéis que eles roubavam ao longo das viagens.
http://gshow.globo.com/Estilo/Moda/Roupas/noticia/figurino-de-novo-mundo-elenco-se-veste-e-apresenta-personagens.ghtml
http://gshow.globo.com/Bastidores/noticia/vivianne-pasmanter-se-transforma-por-papel-sem-vaidade-em-novo-mundo.ghtml

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Dicas para o feriadão.
Olá pessoal!

Dicas para quem não vai sair de casa  no feriadão.

Filme



Esse filme concorreu ao Oscar 2017 de melhor filme, melhor atriz coadjuvante, e melhor roteiro adaptado. Sensacional!! Não conhecia a história dessas mulheres excepcionais que foram fundamentais para a corrida espacial.

Estrelas além do tempo
Direção: Theodore Melfi
Elenco: Taraji P. Henson, Octavia Spencer, Janelle Monáe
Gêneros Drama, Biografia
Nacionalidade EUA

SINOPSE

1961. Em plena Guerra Fria, Estados Unidos e União Soviética disputam a supremacia na corrida espacial ao mesmo tempo em que a sociedade norte-americana lida com uma profunda cisão racial, entre brancos e negros. Tal situação é refletida também na NASA, onde um grupo de funcionárias negras é obrigada a trabalhar a parte. É lá que estão Katherine Johnson (Taraji P. Henson), Dorothy Vaughn (Octavia Spencer) e Mary Jackson (Janelle Monáe), grandes amigas que, além de provar sua competência dia após dia, precisam lidar com o preconceito arraigado para que consigam ascender na hierarquia da NASA.


Documentário

Sensacional! Conta à história do Axé music que ano passado comemorou 30 anos.

Percebi que comecei cedo minha vida de carnavalesca. 

Cantei tanto no cinema! Rs....


Axé

Direção: Chico Kertész
Elenco: Ivete Sangalo, Caetano Veloso, Daniela Mercury...
Gênero Documentário
Nacionalidade Brasil

SINOPSE

Originário da Bahia e considerado hoje um dos movimentos musicais mais globalizados do mundo, o Axé é um ritmo musical que carrega em sua essência boa parte de todo o sincretismo musical e cultural baiano. O documentário reúne entrevistas e imagens de arquivo com objetivo de traçar um ponto inicial do nascimento do gênero.


Livro

Gosto muito de Pondé, mesmo que algumas vezes não concorde com o que ele diz. Geralmente ele fala coisas que a maioria das pessoas não gostam/querem ouvir nesse livro principalmente.


Filosofia Para Corajosos


Luiz Felipe Pondé

O objetivo deste livro é ajudar o leitor a pensar com a sua própria cabeça. Para tal, o filósofo e escritor Luiz Felipe Pondé, autor de vários best-sellers, se apoia na história da filosofia para apresentar argumentos para quem quer discutir todo e qualquer tipo de assunto com embasamento. Afinal, os grandes filósofos estudaram, pensaram e escreveram sobre os temas essenciais com os quais ainda lidamos no mundo contemporâneo. O livro está dividido em três partes: Uma filosofia em primeira pessoa, onde o autor conta como ele entende a filosofia; Grandes tópicos da filosofia ao longo do tempo, que traz um repertório básico dos temas que todo mundo precisa conhecer mais a fundo; e Por que acho o mundo contemporâneo ridículo? Uma análise ferina da sociedade atual.


quarta-feira, 31 de maio de 2017

Dica de restaurante. Poró
Olá pessoal!

Já tinha ouvido falar muito bem desse restaurante. Fui à primeira vez, mas não almocei. Minhas amigas almoçaram e eu experimentei a comida que elas pediram e gostei bastante. Em outro almoço com essas mesmas amigas almocei com direito a sobremesa. Gente a comida divina e a sobremesa sensacional!!!





O cardápio já mudou, mas como a comida estava maravilhosa postei as fotos

Clique aqui para ver o cardápio atual.

O restaurante fica no Santo Antônio Além do Carmo no centro antigo aqui de Salvador. O cardápio é pequeno e está sempre mudando aqui. O link do cardápio.



quarta-feira, 17 de maio de 2017

Dicas para o final de semana
Olá pessoal!

Algumas sugestões de filme, série e livro para o final de semana

Filme

Eu amo filmes de terror e suspense! Alfred Hitchcock é um dos meus diretores favoritos!  Nesse filme tem uns momentos de tensão e cada susto que eu tomei! Rs...

A visita



Direção: M. Night Shyamalan
Elenco: Olivia DeJonge, Ed Oxenbould, Deanna Dunagan ...
Gênero Terror
Nacionalidade EUA

SINOPSE

Um garoto (Ed Oxenbould) e sua irmã (Olivia DeJonge) são mandados pela mãe (Kathryn Hahn) para visitar seus avós que moram em uma remota fazenda. Não demora muito até que os irmãos descubram que os idosos estão envolvidos com coisas profundamente perturbadoras que colocam a vida dos netos em perigo.

Série

Adorei a série! Mostra como é difícil a vida da realeza.


The crown





Criado por   Peter Morgan, Stephen Daldry (2016)

Com   Claire Foy, Matt Smith (IV), Vanessa Kirby ...

País : EUA

Gênero: Drama, Histórico, Biografia

 Sinopse

Filha do rei George VI (Jared Harris), Elizabeth II (Claire Foy) sempre soube que não teria uma vida comum. Após a morte do seu pai em 1952, ela dá seus primeiros passos em direção ao trono inglês, a começar pelas audiências semanais com os primeiro-ministros ingleses. Ela assume a coroa com apenas 25 anos de idade, mas com grandes compromissos, vêm grandes responsabilidades.

Livro

Adoro Constanza Pascolato ela tem um canal no youtube Contanza&Marilu que tem muitos vídeos legais.

O livro é de 1999 e muitas coisas mudaram de lá pra cá! Mesmo assim a leitura é válida porque tem coisas que nunca saem de moda.


O Essencial - o Que Você Precisa Saber Para Viver Com Mais Estilo 



“Respeite sua essência. Seja você mesma. É o jeito mais inteligente de construir seu estilo, sua maneira de viver e de se vestir. E você vai ver: estilo é fundamental para a autoestima.” – Costanza Pascolato. As modas passam, mas a elegância fica. Há décadas a empresária e consultora de moda é considerada uma das mulheres mais elegantes do país. Suas dicas simples e práticas mostram que ter estilo não é tão caro nem tão complicado quanto parece. Combinando oito itens básicos – os essenciais – com acessórios charmosos, é possível montar um guarda-roupa elegante e versátil, tanto para o dia a dia de trabalho quanto para um jantar com amigos ou uma noite de festa. Com bom humor e bom senso, Costanza alterna lições de estilo e de vida: indica truques para disfarçar os pontos fracos, mostra como misturar peças caras e baratas, elege os pares de sapato fundamentais e ensina a não perder a cabeça nas liquidações. Para compor um estilo pessoal e intransferível, é preciso antes de tudo descobrir o que se afina com seu corpo, seus hábitos e personalidade. Se você não deseja se transformar numa vítima da moda, identifique o que lhe cai bem, em vez de seguir fielmente o que as passarelas ditam. Afinal, tão importante quanto à roupa que você veste é a maneira como escolhe se comportar: sua atitude, postura e inteligência.



quarta-feira, 10 de maio de 2017

Figurino da série Os dias eram assim
Olá pessoal!

Assisti o primeiro capítulo de Os dias eram assim e gostei de primeira! Adoro essas séries que retratam momentos históricos do Brasil e como consegue reproduzir o figurino e decoração das casas daquele período de maneira quase fidedigna. É muita pesquisa com diversos profissionais para reproduzir as décadas de 70/80.

Um pouco sobre a série e construção do figurino.

Os Dias Eram Assim é escrita por Angela Chaves e Alessandra Poggi e tem direção artística de Carlos Araújo. A trama será ambientada no Rio de Janeiro dos anos 1970 e 1980, próximo ao fim da ditadura militar com o movimento das Diretas Já, a supersérie das 11 mostra a vida de pessoas comuns e seus amores afetados pelo contexto histórico do Brasil na época. E de como este momento foi capaz de interferir em vidas, sonhos e histórias de amor.

O figurino da supersérie Os Dias Eram Assim, assinado por Marília Carneiro, e que mostra as tendências e as características das roupas dos anos 70 e 80.







Vestidos curtos e botas de cano alto eram trend da moda jovem daquele período, conta Marília Carneiro: “A ideia era enfatizar bastante a coxa”, afirma. “Eu gosto muito dessa moda do vestido tubinho com bota, e a franja com cabelão.”

Calças bocas de sino, óculos à lá Jackie Kennedy, biquínis de crochê, produções all jeans e flower power (estampas florais) também fizeram sucesso e vão aparecer com frequência nos looks das personagens. “A Monique, interpretada pela Letícia Spiller, por exemplo, é bem natural, meio californiana. Ela usa saias longas com estampa de flor, esse é o estilo flower power”. Sobre os acessórios que serão usados pelas mulheres do folhetim, Marília aproveita e faz uma aposta:

“O laço de veludo nos cabelos poderia voltar. Acho bonito, feminino e real. Em Nova York ainda se usa muito e adoraria ver esse acessório nas ruas”, sugere a figurinista, sobre o item que marca os looks de Cora (Susana Vieira).

"Óculos grandes foram um chavão da época, porque você não imagina a Janis Joplim ou a Jackie Kennedy sem eles."

Muitas das peças usadas pelas personagens de Os Dias Eram Assim foram garimpadas em brechós ou são vintage – aquele antiguinho original – o que garante um verdadeiro mergulho na moda e nos costumes da época. 


http://gshow.globo.com/Estilo/noticia/figurino-de-os-dias-eram-assim-relembra-tendencias-da-moda-dos-anos-70-e-80.ghtml

@renatafashionfonseca